Fique atento ao golpe do falso delegado em Santa Catarina

Criminosos se passam por autoridades policiais para extorquir vítimas

19 de Abril de 2021

 

Fique em alerta sobre um tipo de golpe que se torna cada vez mais recorrente em Santa Catarina: criminosos se passam por delegados para extorquir vítimas por meio de redes sociais. Não caia nessa. Ao primeiro contato, registre um Boletim de Ocorrência.

Há casos registrados em vários outros estados. Um dos casos mais frequentes é o da “sextorsão”.  A  vítima recebe um pedido de amizade em uma rede social, por parte de uma garota jovem e bonita. Durante a conversa, a pessoa passa a enviar fotos de mulheres nuas e também pedem fotos íntimas. O público-alvo do golpe são homens bem-sucedidos. 

A partir do momento em que as fotos são enviadas, os suspeitos começam a extorqui-la, afirmando que se trata de um caso de pedofilia e exigem o pagamento de valores, a fim de evitar um suposto processo. O “falso delegado” então propõe uma resolução “amigável” mediante transferência bancária. A Diretoria Estadual de Investigações Criminais (DEIC) e outras unidades, já investigam esses casos, inclusive chegando a uma quadrilha que agia de dentro de presídios no Rio Grande do Sul.

Aqui vão algumas dicas de como prevenir e identificar a ação de golpista

– Evite iniciar conversas por meio de aplicativos de mensagens com perfis desconhecidos;

– Não troque informações pessoais, dados bancários, bem como fotografias que possam ter conotação íntima por meio de aplicativos como WhatsApp ou Messenger;

– Evite conversas por meio de aplicativos com prefixo telefônico desconhecido;

– Se alguém lhe procurar se identificando como policial, ligue para a delegacia que ele diz estar lotado para confirmar;

– Não faça depósitos, transferências ou pagamentos para desconhecidos;

– Desconfie de pessoas desconhecidas que demonstrem interesse afetivo repentino;

– Se for vítima de algum golpe ou de tentativa de abordagem desse tipo, procure a polícia e registre a ocorrência;

 

Últimas notícias