Bolsonaro diz que acionará a Justiça para baixar preço dos combustíveis

Sem detalhar proposta, presidente reclama de reajustes feitos pela Petrobras

Há 3d

Jair Bolsonaro afirmou na última quinta-feira, dia 12, que vai ir a Justiça para que os preços dos combustíveis reduzam em território brasileiro. O presidente não repassou detalhes da alternativa que pretende apresentar, mas relatou ser necessário "tomar alguma atitude" para impedir o aumento dos valores.

“Está previsto em lei, no caso da Petrobras, que ela tem que ter o seu papel social no tocante ao preço de combustíveis. Ninguém quer que a Petrobras tenha prejuízo ou fazer o que a senhora Dilma [Rousseff, ex-presidente] fez lá atrás, interferindo artificialmente no preço da Petrobras. A gente espera, aqui, redução do preço. Vamos ter que recorrer à Justiça”, comentou o presidente, em live nas redes sociais.

Durante o vídeo, Bolsonaro mencionou que tenta baixar a inflação. “A questão de poucas semanas, um decreto meu, devidamente orientado pela Economia, nos diminuímos o IPI em 25%”, explicou.

 

Últimas notícias