Nove pessoas morrem em acidentes nas rodovias de SC neste fim de semana

Colisões aconteceram entre sábado (5) e domingo (6) na Grande Florianópolis, Vale do Itajaí, Serra e Oeste do Estado

07 de Outubro de 2019

O fim de semana terminou com nove pessoas mortas em acidentes de trânsito nas rodovias de Santa Catarina. As colisões ocorreram na Grande Florianópolis, Vale do Itajaí, Serra e Oeste do Estado. A maioria foi em municípios do Vale e em rodovias federais. 

Quatro mortes em quatro acidentes no sábado

São José: por volta das 10h, um homem de 46 anos morreu atropelado na BR-101. Ele foi atingido por um caminhão Scania T112 de Florianópolis.

Rio do Sul: um homem de 31 anos morreu e uma criança de 8 anos ficou ferida após colisão frontal por volta das 17h40min na BR-470. A vítima dirigia um automóvel Fiat Palio, com placas do município de Lontras, que colidiu de frente com uma Volkswagen Amarok, de Rio do Sul. O condutor da caminhonete não teve ferimentos.

Lages: uma mulher de 67 anos morreu em uma colisão por volta das 20h50min na BR-282. Ela estava em um automóvel Chevrolet Classic, com placas de São José, que bateu de frente com um Celta de Imbituba. Outras quatro pessoas ficaram feridas, sendo duas em estado grave.

Presidente Getúlio: um jovem de 20 anos morreu na SC-340 por volta das 20h30min. Ele conduzia uma motoneta Pop 100 com placas de Ibirama. A Polícia Militar Rodoviária (PMRv) suspeita que ele caiu da moto e foi atingido por um automóvel Volkswagen Gol.

Domingo com cinco mortes

No domingo (6), cinco pessoas morreram em quatro colisões. Duas delas envolveram seis veículos. 

Ibirama: uma mulher de 51 anos morreu por volta das 14h20min na BR-101. Ela dirigia uma Mitsubishi Pajero TR4, com placas de Guaramirim, que bateu de frente em um caminhão baú Iveco Daily de Gaspar. Uma mulher de 44 anos, passageira do caminhão, ficou gravemente ferida e foi encaminhada ao hospital. O motorista , de 44 anos, e uma criança de 10 anos que também estavam no veículo tiveram ferimentos leves.

Águas Mornas: um homem de 44 anos morreu e outras três pessoas ficaram gravemente feridas em um acidente envolvendo seis veículos na BR-282. A colisão aconteceu às 15h10min. As vítimas estavam em uma caminhonete Ford Ranger com placas de Ituporanga. A motorista, uma mulher de 33 anos, e duas crianças de 10 e 3 anos, foram encaminhadas ao hospital com ferimentos graves. Uma mulher de 40 anos que estava em um Fiat Uno de Santo Amaro da Imperatriz teve lesões leves. O acidente envolveu ainda uma caminhonete Toyota Hilux, também de Santo Amaro da Imperatriz, um caminhão Ford Cargo de Rancho Queimado, um automóvel Hyundai i30 e um Chevrolet Onix, ambos de São José. Os motoristas e passageiros desses veículos não tiveram ferimentos, segundo a PRF. 

Nova Erechim: uma colisão envolvendo seis veículos causou a morte de uma mulher e deixou outras cinco pessoas gravemente feridas na BR-282. Um homem de 66 anos, que dirigia o automóvel, e outros dois passageiros, um homem e uma mulher de 73 anos, foram encaminhados ao hospital em estado grave. Eles estavam em um Chevrolet Onix de Chapecó. Um mulher de 42 anos e um homem de 59 anos, que estavam em um Ford Fiesta de Itapiranga também tiveram ferimentos graves. Outras sete pessoas envolvidas na colisão tiveram ferimentos leves. Quatro delas estavam em um Chevrolet Prisma do município de Sul Brasil, sendo duas crianças, de 6 e 1 ano de idade, uma jovem de 26 anos e uma mulher de 44 anos. Outras duas, uma mulher de 56 anos e um homem de 59, estavam em um Volkswagen Gol com placas de Saltinho. Além desses, uma passageira de 46 anos, que estava em um Fiat Uno de Chapecó, também ficou ferida. O acidente aconteceu por volta das 17h. 

Agronômica: no início da noite de domingo, duas pessoas morreram na BR-470. Uma mulher de 43 anos estava em um Chevrolet Astra, com placas de Taió, que bateu de frente com um Chevrolet Meriva de Rio do Sul, conduzido por um homem de 48 anos, que também morreu com o impacto da colisão. O motorista e outros dois passageiros do Astra foram encaminhados ao hospital em estado grave.

Fonte: NSC

Últimas notícias