Filiados que pretendem concorrer às eleições devem estar com o cadastro eleitoral regularizado

Alistamento eleitoral é uma das condições de elegibilidade

18 de Outubro de 2019
  • Ouvir

    Filiados que pretendem concorrer às eleições devem estar com o cadastro eleitoral regularizado

  • Filiados a partidos políticos que pretendem concorrer a cargos de vereador e prefeito nas eleições de 2020, precisam regularizar o cadastro eleitoral. Em Santa Catarina, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) já iniciou a campanha de conferência a regularidade eleitoral. Os eleitores que pretendem fazer a inscrição eleitoral, atualizar dados ou fazer a transferência de título para outra cidade, tem até o dia 6 de maio de 2020. Após a data, ocorre o fechamento do cadastro eleitoral e nenhuma alteração poderá ser feita.

    Sendo assim, é importante que o futuro candidato confira a sua situação no site do TER-SC, na aba, “Consultar a Situação Eleitoral”. Outras opções de atualização de cadastro são por telefone, no 0800 6473 888 ou pessoalmente nos Cartórios Eleitorais. Conforme a Chefe de Cartório da Zona Eleitoral de Pinhalzinho Greyce Mahl, o TRE iniciou a regularização eleitoral ainda em 2017.  

    - Tivemos inúmeros municípios catarinenses que foram submetidos ao processo de revisão do eleitorado, no qual são atualizados os cadastros de votantes de cada município, fazendo com que o eleitor que não tenha mais vínculo promova a cidade onde ele reside - explica.

    De acordo com Greyce, se o partido registrar o candidato com irregularidades, ele terá o registro indeferido pela Justiça Eleitoral por inobservância de um requisito constitucional.

    Últimas notícias