Polícia Militar Ambiental faz apreensão de palanques de madeira nativa na fronteira

Foi encontrado em um depósito irregular de mais de 100 palanques de madeira

28 de Novembro de 2020

 

 

A Polícia Militar Ambiental (PMA), por meio de sua unidade em São Miguel do Oeste, realizou na tarde desta sexta-feira, 27, no interior do município de Paraíso, a apreensão de palanques de madeira nativa sem procedência legal, possivelmente oriundos da mata da Argentina.

A PMA tem realizado constante fiscalização na área de fronteira entre o Brasil e a Argentina, uma vez que os recursos naturais estão interligados. Para isso, a PMA tem inclusive utilizado aeronaves não tripuláveis, os drones, facilitando a fiscalização, identificação e mapeamento de locais utilizados para o transporte ilegal de madeira nativa e de outros ilícitos ambientais nesta faixa de fronteira.

Em mais uma ação de fiscalização, os agentes flagraram o depósito irregular de mais de 100 (cem) palanques de madeira nativa da espécie conhecida como guajuvira. Diante do fato constatado, foi apreendido o produto e será lavrado o respectivo Auto de Infração Ambiental, sendo que o responsável responderá a processo administrativo ambiental e processo criminal.

 

 

 

Últimas notícias