PublicidadeTaça RCO

Ex tem destino sombrio depois da morte de trabalhadora

Suspeito estava em mato; Identidade foi confirmada após exame das impressões digitais

Henrique Paulo Koch
Por Henrique Paulo Koch
21/03/2024, 10:36
Atualizado há cerca de 1 mês
WhatsappFacebookTwitterTelegram
Local onde vítima acabou sendo encontrada (Foto: Polícia Científica)Local onde vítima acabou sendo encontrada (Foto: Polícia Científica)

O caso de feminicídio que chocou a cidade de Águas de Chapecó e região teve mais um capítulo! o ex-marido da vítima e principal suspeito não teria aguentado o "peso na consciência" e tirado a própria vida, informou a Polícia Civil.

O crime ocorreu no dia 11 de março, quando Marta Rotheman saía do trabalho. O corpo dela foi encontrado por um familiar em uma plantação de milho.

A equipe de investigação conseguiu identificar o veículo utilizado pelo suspeito, carro que pertencia ao irmão dele. Com a colaboração da PM houve a condução do proprietário do automóvel. Ele contou que deu carona ao autor no dia dos fatos.  

Conforme os agentes, antes mesmo de ser preso, o alvo acabou sendo achado em uma área de mata no interior de Palmitos. A sua identidade foi confirmada após exame de comparação datiloscópica - que compreende as impressões digitais.

Relacionadas: