PublicidadeTaça RCO

'Chateado' é investigado por vazar imagens sensuais da ex pra todo mundo

Pornografia de vingança tem pena de 1 a 5 anos de prisão

Henrique Paulo Koch
Por Henrique Paulo Koch
19/03/2024, 19:51
Atualizado há cerca de 1 mês
WhatsappFacebookTwitterTelegram
Caso está sendo apurado pela investigação (Foto: Divulgação)Caso está sendo apurado pela investigação (Foto: Divulgação)

Um morador de Chapecó está sendo investigado por “jogar no ventilador” ou melhor nas redes sociais, imagens de nudez de sua ex-companheira. O caso é grave e tem punição na legislação do país. Depois de espalhado os arquivos, pode ser visto rapidamente por inúmeras pessoas.

Conforme a delegada Lisiane Junges, responsável pelo caso, a mulher que não teve a idade informada – teve seus conteúdos íntimos divulgados pelo ex-marido. Conforme a autoridade, ele teria criado uma conta falsa no Instagram para publicar e ainda encaminhou o material para familiares dela.

Segundo apurado, o homem não aceitava o fim do relacionamento. O crime tem punição de seis meses a um ano de reclusão; e possui previsão de aumento de pena se for motivado pela “pornografia de vingança”, quando o infrator tenha mantido uma relação íntima com a vítima ou tenha usado a divulgação com intenção de humilhá-la.

Relacionadas: